[Owasp-brazilian] Palestras OWASP

Wagner Elias wagner.elias at gmail.com
Tue Nov 18 07:50:43 EST 2008


Oi Lucas,

seus argumentos estão corretíssimos! Talvez minha mensagem não tenha
sido clara, não quero que o evento no Brasil tenha apenas palestrantes
Brasileiros, mas que nosso capítulo ganhe representatividade
desenvolvendo conteúdo.

Eu particularmente não quero que o capítulo tenha apenas a capacidade
de realizar eventos/reuniões, quero o que aconteceu este ano, 4
Brasileiros no summit participando de projetos e dando curso.

Como o Ulisses falou, realmente temos muitas pessoas capacitadas, por
isso eu envie a mensagem. Muita capacitação e pouca ação.

Acho que um modelo legal que vem crescendo é o grupo de C++, o Alberto
Fabiano pode falar sobre como as coisas acontecem, o modelo.

Abs.

2008/11/17 Lucas Ferreira <lucas at sapao.net>:
> Pessoal,
> discordo de vocês em dois pontos:
> 1) Se o objetivo é ter mais participantes que o evento de NY, podemos
> desistir. Não há como fazer no Brasil um evento com mais gente do que se
> consegue nos EUA. A diferença de tamanho do público alvo é muito grande.
> 2) O importante para o evento não é a quantidade de palestrantes locais. É a
> quantidade de espectadores locais. Os palestrantes vem de fora, não os
> espectadores. Alguém aí já viu algum congresso ou simpósio no Brasil ter
> estrangeiros que não fossem palestrantes?
> Assim, acredito que é importante fazer o evento em um lugar onde haja
> público pra assistir às palestras, ou onde nós brasileiros tenhamos
> condições de ir assistir. Acredito que se o OWASP Summit fosse em Lisboa,
> teria muito mais participação, simplesmente porque é mais fácil a
> participação dos portugueses (sem precisar viajar, poderia ir num
> treinamento de 1 dia e voltar ao trabalho. etc...) e até de pssoas de fora,
> pela facilidade de acesso.
> Além disso, é importante ter uma boa equipe de organização local, para
> evitar a correria de última hora. Os congressos da SBC sempre têm uma equipe
> de organização local diferente da equipe que cuida da seleção de trabalhos e
> da grade de palestras. Isso permite que essa equipe de concentre na infra
> necessária. Certas coisas são difíceis de organizar à distância.
> Pra concluir, acho que Brasília poderia sediar um evento desses. Tenho
> certeza que temos como montar uma boa equipe local, temos um mercado
> potencial razoável e ainda tem um certo apelo turístico para os gringos,
> além de uma boa infra para eventos.
> Inté,
> Lucas
> 2008/11/17 Thiago Lechuga <thiagoalz at gmail.com>
>>
>> 400 pessoas é bastante gente mesmo.
>> O SBBD e no SBES (Que sao bem mais genéricos) tiveram juntos uns 600
>> inscritos.
>>
>> []s,
>>
>> Thiago Alvarenga Lechuga
>> (19)9153-3822
>>
>> Página Pessoal:
>> http://thiagoalz.googlepages.com/home
>> http://segurancawebbr.blogspot.com/
>>
>> ===Knowledge is only useful if you can share it.===
>>
>>
>> 2008/11/17 PEdroArthur_JEdi <pedro.forum at gmail.com>
>>>
>>> 2008/11/15 Leonardo Cavallari Militelli <leonardocavallari at gmail.com>:
>>> > Para sentirmos a possibilidade de fazer uma conferência da OWASP no
>>> > Norte/Nordeste, primeiramente seria necessário fazer os "micro" eventos
>>> > de
>>> > um dia, por exemplo, como citou o Eduardo. Não conheço muito a região,
>>> > mas é
>>> > necessário termos público bom e interessado para atender à conferência.
>>> > Para
>>> > se ter idéia, a conferência de NY tiveram 400 participantes. Vocês
>>> > acham que
>>> > conseguimos esse número por aí? E treinamentos, as pessoas pagariam?
>>>
>>> Não se dá para juntar 400 pessoas para um evento tão especializado.
>>>
>>> > Para São Paulo, creio que nesta não é uma preocupação pois a
>>> > concentração de
>>> > pessoas é muito gfrande.
>>>
>>> Esse ano o simpósio de segurança teve seu maior publico: ~ 200
>>> pessoas, e correu em Gramado-RS. As três ultimas edições ocorreram no
>>> Rio de Janeiro - RJ (2007), Santos - SP (2006) e Florianópoles - SC
>>> (2005).
>>>
>>> > Onde iremos fazer o evento é indiferente, mas temos que pensar  nas
>>> > questões
>>> > de logísticas e na facilidade de atender demandas de última hora (como
>>> > impressões em gráficas expressas, material de audio/vídeo).
>>>
>>> Em Natal tem tudo isso! :)
>>>
>>> > Pedro e Thiago, acho importante vocês começaram a fazer um barulho da
>>> > OWASP
>>> > por aí. Um OWASP Day, ou algo do tipo, um workshop nas Universidades.
>>> > Eu me coloco à disposição para ajudar no que for preciso.
>>>
>>> Tem mais alguem do RN na lista? Não dá pra fazer isso sozinho.
>>>
>>> --
>>> PEdroArthur_JEdi
>>>
>>> Nunca acredite num sistema que você não conhece o código fonte!
>>> Never trust a system you don't have sources for!
>>
>>
>> _______________________________________________
>> Owasp-brazilian mailing list
>> Owasp-brazilian at lists.owasp.org
>> https://lists.owasp.org/mailman/listinfo/owasp-brazilian
>>
>
>
> _______________________________________________
> Owasp-brazilian mailing list
> Owasp-brazilian at lists.owasp.org
> https://lists.owasp.org/mailman/listinfo/owasp-brazilian
>
>



-- 
Att.
Wagner Elias
http://wagnerelias.com


More information about the Owasp-brazilian mailing list